Siga oGol no facebook
        1xBet
        números ogol
        O cara do Galo

        30 de novo: Hulk atinge marca de gols em quarto país diferente

        2021/11/24 09:24
        Paulo Mangerotti
        E0

        Artilheiro, craque do líder do Campeonato Brasileiro e vivendo, aos 35 anos, uma das melhores temporadas da carreira a nível individual. Hulk, do Atlético Mineiro, talvez não projetasse tamanho sucesso em seu retorno ao país 17 anos depois de trocar, ainda garoto, o Vitória pelo Kawasaki Frontale. E quem imaginou que Hulk não conseguiria repetir o suceso que alcançou no exterior em solo brasileiro, se enganou (e muito).

        Pela quarta vez na carreira, Hulk quebrou a marca de 30 gols em uma única temporada. O atacante chegou lá com um golaço, ao seu melhor estilo, contra o Palmeiras na 35ª rodada do Brasileirão. O gol rendeu o empate valioso na caminhada para o título, que parece inevitável nesta altura para o Galo.

        Os 30 gols de Hulk foram alcançados em uma temporada atípica para o jogador. Nunca o atacante disputou tantos jogos em um único ano (até aqui foram 63), e as três dezenas de gols, além de serem cruciais para o Atlético, o deixam como atual goleador do Brasileirão (15) e da Copa do Brasil (6). Na Libertadores, em que caiu na semifinal, Hulk encerrou sua participação como vice-artilheiro (7), mas ainda pode vir a ser ultrapassado pelos finalistas Rony (Palmeiras) e Bruno Henrique (Flamengo).

        30 de novo

        A primeira vez que Hulk chegou (e ultrapassou) os 30 gols em uma temporada foi em 2007, no seu terceiro ano no futebol japonês. Com a camisa do Tokyo Verdy, o atacante viveu, a nível goleador, seu melhor ano e balançou as redes 37 vezes - o número parece improvável de ser superado neste ano, já que no calendário o Atlético tem apenas mais seis jogos pela frente, quatro pelo Brasileiro e dois na Copa do Brasil.

        No Porto, onde Hulk se tornou ídolo, a barreira dos 30 gols foi ultrapassada na temporada 2010/11. Foram 36 gols que renderam ao atacante os méritos de artilheiro e craque do Campeonato Português, além dos títulos coletivos com a a Liga, Taça e Supertaça de Portugal.

        No futebol chinês, por fim, Hulk alcançou os 30 gols em 2017, último ano em que havia batido a marca. De todos países que jogou, o único em que não conseguiu fazer 30 gols na temporada foi na Rússia, onde o melhor desempenho foi em 2016, quando levava 23 gols em 39 partidas, mas acabou não completando o ano e se transferindo para o Shanghai SIPG.

        Calou os críticos

        Hulk chegou ao Brasil cercado de expectativas, como a grande contratação do futebol brasileiro para a temporada 2021. O início no Atlético Mineiro, porém, chegou a gerar desconfiança sobre o nível em que o jogador conseguiria performar depois de tantos anos em mercados alternativos.

        A estreia de Hulk foi em março, com uma assistência, e no terceiro jogo o atacante chegou ao primeiro gol na temporada. Parecia promissor, mas não engrenou. O atacante passou, ainda no Campeonato Mineiro, por uma sequência de seis jogos sem marcar. Depois, nas primeiras rodadas do Brasileirão, a seca chegou a ser pior, com 10 partidas em sequência em branco, ainda que contribuísse bastante com passes para gol.

        No momento que Hulk decolou, o Galo voou junto. Segundo jogador mais velho do elenco, Hulk se tornou uma referência não apenas técnica, mas de dedicação, comprometimento e ambição. Os gols e a generosidade das assistências (13 até o momento) do atacante são, em grande parte, os responsáveis pelo ano histórico que vive o Atlético Mineiro. Não por acaso, o clube bateu o próprio recorde de vitórias em uma temporada (40) e agora caminha para chegar nos incríveis 50 triunfos no ano. Outro recorde foi o alcançado no final de semana, contra o Juventude, de mais vitórias seguidas jogando em casa no Brasileiro - 14 no total.

        Como se não bastasse tantos recordes, Hulk é apenas o quarto jogador atleticano a chegar nos 30 gols em uma única temporada. Para fechar o ano mágico, falta apenas a concretização do título brasileiro e, quem sabe, da Copa do Brasil.

        Artilheiros do Atlético Mineiro no Século XXI

        • Diego Tardelli - 39 gols em 2009
        • Guilherme - 32 gols em 2001
        • Hulk - 30 gols em 2021*
        • Fred - 30 gols em 2017
        • Guilherme - 28 gols em 2003
        • Obina - 27 gols em 2010
        • Alex Mineiro - 26 gols em 2004
        • Robinho - 25 gols em 2016
        • Lucas Pratto - 23 gols em 2015
        • Ricardo Oliveira - 22 gols em 2018
        • Jô - 19 gols em 2013
        • Diego Tardelli - 19 gols em 2019
        • Mancini - 18 gols em 2002
        • Marinho - 18 gols em 2006
        • Magno Alves - 18 gols em 2011
        • Éder Luis - 16 gols em 2007
        • Bernard - 15 gols em 2012
        • Fábio Júnior - 14 gols em 2005
        • Ricardo Oliveira - 14 gols em 2019
        • Leandro Almeida - 11 gols em 2008
        • Keno - 11 gols em 2020

        *Temporada em andamento. Todos os números consideram apenas jogos oficiais.

        Brasil
        Hulk
        NomeGivanildo Vieira de Souza
        Data de Nascimento1986-07-25(35 anos)
        Nacionalidade
        Brasil
        Brasil
        PosiçãoAtacante (Ponta Direita) / Atacante (2º Atacante)

        Fotografias(100)

        Comentários (0)
        Tenha em atenção as Regras de Conduta antes de escrever o seu comentário. Se não as conhece poderá ser uma boa oportunidade para o fazer aqui.
        motivo:
        EAinda não foram registrados comentários…
        Links Relacionados
        SIMULADOR OGOL
        Liga dos Campeões
        Tropeço amargo
        Garantido nas oitavas de final da Liga dos Campeões, o Chelsea precisava de uma vitória para sacramentar a  liderança de seu grupo na competição. E conseguiu. ...
        ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
        LukyMax_Santiago 08-12-2021, 12:24
        ScPKoHx 07-12-2021, 14:37
        raonymarins 06-12-2021, 22:36