Siga oGol no facebook
bet365
Copa América
Rumo à decisão!

Marcênio brilha, Brasil despacha a Venezuela e está na final da Copa América

2024/02/09 18:28
E1

O Brasil encontrou a dificuldade que se esperava contra a Venezuela, mas contou com a estrela de Marcênio para conduzir a classificação para a decisão da Copa América. A seleção Canarinho enfrentou uma marcação forte, mas aproveitou os contragolpes para vencer por 3 a 0, com direito a dois gols e uma assistência de Marcênio.

A Amarelinha encara na final a Argentina, que venceu o Paraguai por 1 a 0 na outra semifinal. Mais cedo, o Peru derrotou a Colômbia e ficou com o quinto lugar, enquanto a Bolívia venceu o Equador na decisão do nono lugar.

Venezuela dificulta, mas Brasil abre o placar

A classificação histórica da seleção venezuelana para a Copa do Mundo permitiu uma postura corajosa no duelo contra o Brasil. Em busca de uma vitória inédita sobre a Canarinho, a Vinotinto caprichou na marcação e não poupou finalizações para levar perigo contra o goleiro Guitta.

Embora a persistência adversária, o Brasil tomou conta do primeiro tempo. Arthur, na ala direita, foi a novidade promovida por Marquinhos Xavier. Logo na primeira descida pelo corredor, o camisa 12 serviu para Rafa Santos perder boa oportunidade. Marlon e Dyego também tiveram boas chances de perto da meta, mas também erraram o alvo.

O Brasil acabou perdendo o ímpeto ofensivo na metade da primeira etapa, mas continuou forte na marcação. A estratégia ofereceu quadra para os venezuelanos e abriu espaços para a Canarinho. Aos 12, Pito roubou a bola na meia-quadra e Marcênio arrancou com liberdade, antes de disparar um canhão, abrindo o placar.

O gol não intimidou a seleção da Venezuela, que seguiu levando perigo. Em jogada pelo meio, Carlos Sanz ganhou de Rocha no pivô e carimbou a trave de Guitta, ligando o sinal de alerta do Brasil.

Marcênio brilha de novo

Na volta do intervalo, o Brasil diminuiu o tempo da Venezuela com a bola e voltou a controlar a posse. Com mais paciência para encontrar espaços, a seleção Canarinho novamente teve dificuldade e só conseguiu criar nas saídas do adversário.

Na metade da etapa complementar, o Brasil encaixou nova roubada de bola na metade da quadra e saiu em contragolpe. Cara a cara com o goleiro, Marcênio terminou derrubado por Cabarcas, que levou o cartão vermelho direto.

Apesar de perder uma boa oportunidade na bola parada, o Brasil aproveitou a vantagem numérica para castigar a defesa adversária até ampliar o placar. Na primeira tentativa, Dyego carimbou o travessão Vásquez. Embora a tentativa do capitão brasileiro, a tarde era mesmo de Marcênio. O camisa 8, recém-contratado pelo Jaraguá, tirou a marcação e acertou um novo míssil no canto, aumentando o placar.

Nos minutos finais, a Venezuela apostou no goleiro-linha para diminuir o placar e voltar ao jogo, mas não passou pela defesa brasileira. Novamente com espaço para transitar em velocidade, a Canarinho definiu a vitória outra vez com o protagonismo de Marcênio. O camisa 8 arrancou livre pela canhota e encontrou Rocha, no segundo poste, que apenas completou para as redes e fechou a classificação.

Comentários (1)
Quer comentar? Basta registrar-se!
motivo:
Nivel subiu
2024-02-10 19h44m por Chelsea26
O nivel do futsal de seleções subiu bastante. Se o Brasil não evoluir pode perder o reinado em breve. Argentina já assustou no últimos anos
jogos históricos
U Sexta, 09 Fevereiro 2024 - 16:45
3-0
Marcênio 13' 29'
Rocha 37'

Mercado treinadores
Oficial
O Remo anunciou, nesta segunda-feira (4), o substituto de Ricardo Catalá no clube. O paraguaio Gustavo Morínigo vai comandar o Leão Azul no restante da temporada. Aos 47 ...

ÚLTIMOS COMENTÁRIOS

grandejogadoor 04-03-2024, 12:05
grandejogadoor 04-03-2024, 12:01
ScPKoHx 03-03-2024, 09:53