Siga oGol no Twitter
        1xBet
        ESPECIAL
        O início do reinado

        1958: o ano em que o menino de Três Corações virou o Rei Pelé

        2020/10/23 07:00
        Texto por Carlos Ramos
        E1

        O que você estava fazendo com 18 anos? Trabalhando, começando a faculdade, tentando se encontrar no mundo? No futebol, não é de se estranhar que nessa idade os jogadores já estejam em grandes clubes, titulares, e nas seleções de seus respectivos países. Mas é difícil chegar perto do feito de Pelé. No dia em que o maior nome da história do futebol completa 80 anos, relembramos o ano que marcou para sempre a sua carreira.

        Aos 18 anos, o menino de Três Corações se tornou majestade e viveu uma temporada de sonhos, com recordes que o colocaram no olimpo do futebol mundial. Mesmo tão jovem, Edson Arantes do Nascimento, o filho de Dondinho, virou o Rei Pelé. 

        O primeiro ato do Rei

        Pelé já havia vivido um grande ano de 1957, com média superior a um gol por jogo. Mas 1958 foi ainda mais especial: foram 75 tentos em 53 partidas, média de 1,42 gol por jogo, melhor temporada da carreira de Pelé (e falamos só de partidas oficiais). 

        1958 era um ano especial: era ano de Copa do Mundo. Pelé ainda disputou o Rio-São Paulo com o Santos antes de se juntar a seleção. Na estreia, marcou quatro gols contra o América em vitória santista por 5 a 3. Ao todo, Pelé marcou oito gols em oito partidas no torneio. 

        Antes da Copa, o Brasil ainda disputou três amistosos, e foram três gols de Pelé: um contra o Paraguai e dois contra a Bulgária. O menino convenceu Vicente Feola que deveria estar na Copa, disputada na Suécia, mas só foi ganhar seu lugar de titular durante o torneio. 

        Pelé passou os dois primeiros jogos no banco, mas o empate sem gols diante da Inglaterra fez Feola buscar mudanças na equipe. Pelé virou titular, ao lado de Garrincha, na partida contra a União Soviética. O Brasil venceu por 2 a 0, e Pelé não saiu mais do time. 

        O Rei marcou em todos os jogos de mata-mata da Copa. O destaque fica para as semifinais, contra a França, de Just Fontaine: foram três gols, e o Brasil foi para a final. Na decisão, Pelé subiu de vez no olimpo do futebol mundial. 

        Aos 18 anos, marcou um dos gols mais antológicos da história das Copas. Pelé recebeu lançamento na área, matou no peito, deu um chapéu no zagueiro e bateu bonito para marcar um golaço. Foi um dos dois gols de Pelé na decisão, e o Brasil goleou por 5 a 2 para ser campeão mundial pela primeira vez na história. 

        Recorde no Paulista 

        Depois da Copa, Pelé voltou ao Santos para disputar o Campeonato Paulista. Com a confiança em alta pelo que fez na Europa, o atacante comandou o Peixe em uma campanha histórica, que teve 143 gols em 38 jogos e um saldo positivo de 103 gols. 

        Os números, fora de série, foram impulsionados pelo desempenho espetacular de Pelé. Ao longo da campanha, Pelé marcou em uma partida cinco gols; em cinco jogos quatro gols; e três tentos por quatro vezes. O atacante santista cresceu no fim e, nas últimas cinco partidas, marcou em todas elas, somando 14 gols no período. 

        O Santos acabou campeão, e Pelé, artilheiro. Ao todo, o atacante marcou 58 gols em 38 jogos, um recorde até hoje na história do Campeonato Paulista. Em 1958, com 18 anos, o menino de Três Corações virou o Rei Pelé. 

        Brasil
        Pelé
        NomeEdson Arantes do Nascimento
        Data de Nascimento1940-10-23(80 anos)
        Nacionalidade
        Brasil
        Brasil
        PosiçãoAtacante (Centroavante) / Meia (Meia Ofensivo)

        Fotografias(22)

        Comentários (1)
        Tenha em atenção as Regras de Conduta antes de escrever o seu comentário. Se não as conhece poderá ser uma boa oportunidade para o fazer aqui.
        motivo:
        Que história!
        2020-10-23 23h05m por LukyMax_Santiago
        O rei é inigualável!!
        Links Relacionados
        Jogador
        SIMULADOR OGOL
        Liga dos Campeões
        Bom para os dois
        Em jogo de poucas oportunidades no Estádio do Dragão. Porto e Manchester City ficaram no empate sem gols pela Liga dos Campeões. Destaque para Gabriel Jesus, que chegou a marcar, ...
        ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
        Lucas17 01-12-2020, 19:29
        LukyMax_Santiago 01-12-2020, 01:03
        ScPKoHx 30-11-2020, 12:51