Siga oGol no facebook
          1xBet
          Biografia
          Biografia Jogadores

          Kenny Dalglish: o Rei de Liverpool

          Texto por Ryann Gomes
          l0
          E0

          Existem jogadores que se tornam símbolos de um clube. Kenny Dalglish é uma lenda viva e um semideus para a metade vermelha de Liverpool. Considerado o melhor jogador da Escócia em todos os tempos e, para os torcedores dos Reds, o melhor jogador britânico da história, Dalglish foi multicampeão como jogador e treinador, liderando o Liverpool no período mais vitorioso da história do clube. 

          Dalglish nasceu no dia 4 de março de 1961, em Glasgow, Escócia. Logo seu talento chamou a atenção de clubes profissionais. Depois de testes no West Ham e no Liverpool, assinou contrato aos 16 anos com o Celtic.

          Sean Fallon, lendário ex-jogador do clube e na época assistente técnico, foi visitar Kenny e sua família em casa. Ao saber que Sean batia à porta, Dalglish correu para o quarto e rasgou os pôsteres do Rangers que decoravam o ambiente.

          Início na terra natal

          Dalglish chegou ao lado verde e branco de Glasgow em 1967 e foi emprestado ao Cumbernauld United, marcando 37 gols na temporada 1967/68. No ano seguinte, tornou-se profissional e foi presença constante no time reserva dos Bhoys.

          Estreou com a camisa do Celtic em um empate com o Hamilton Academical, nas quartas de final da Copa da Liga da Escócia, mas somente três anos depois firmou-se como titular. E em grande estilo: em um amistoso contra o Kilmarnock, marcou seis dos sete gols do time na vitória por 7 a 2.

          Na temporada seguinte, já como protagonista, marcou gol em 41 gols. Dalglish tornou-se capitão do Celtic em alguns anos depois e, em 1977, depois de 322 jogos e 167 gols, assinou contrato com o Liverpool pelo então recorde de 440 mil libras com a responsabilidade de substituir o ídolo Kevin Keegan, que havia se transferido para o Hamburgo, da Alemanha.

          Presença garantida e recordes na seleção da Escócia

          Mesmo antes de chegar ao Liverpool, Dalglish já tinha presença constante na seleção escocesa. Ao todo, o atacante participou de três edições da Copa do Mundo; 74, 78 e 82. Mesmo sem grandes conquistas representando seu selecionado, Kenny Dalglish é um dos maiores jogadores da história do país.

          Não a toa é o maior artilheiro da seleção, com 30 gols marcados, além de ser o jogador que mais vezes atuou pela Escócia, com 102 aparições em 15 anos de serviços prestados

          Idolatria nos Reds: dentro e fora de campo

          A chegada de Kenny em Liverpool não agradou num primeiro momento. No entanto, as dúvidas sobre a contratação do escocês foram por água abaixo na goleada sobre o Hamburgo de Keegan no jogo de volta da Super Copa da Uefa de 1977: 6 a 0, com um gol de Dalglish.

          Em sua primeira temporada pelos Reds, jogou 62 partidas, marcando 31 gols, incluindo o do título da Copa dos Campeões da Europa, contra o Club Brugge, da Bélgica. Mas ele queria mais!

          O melhor ainda estava por vir: Dalglish foi tricampeão inglês entre os anos de 1981 e 1984. O domínio na Inglaterra foi enorme se refletiu na Europa, com a conquista da Copa dos Campeões em 1980/1981 e 1983/1984.

          Premiado como o melhor jogador do campeonato inglês na temporada 1982/1983, esteve entre os melhores da Europa na época, comparado a grandes astros da bola chutada como Zico, Platini, Maradona e Rummenigge.

          Em 1985, Dalglish tornou-se técnico do time, com a aposentadoria de Joe Fagan, após a tragédia de Heysel. Acumulando as funções de técnico e jogador, o escocês conquistou a primeira dobradinha do Liverpool na história, com o título da FA Cup sobre o arquirrival Everton e o 16º troféu do Campeonato Inglês: no jogo decisivo, vitória de 1 a 0 sobre o Chelsea, gol do próprio.

          Kenny ainda conquistaria mais dois títulos de campeão inglês, além de mais uma FA Cup. Anos depois, já treinando o Blackburn Rovers, Dalglish voltou a vencer o campeonato nacional na temporada 1994/95. 

          Em 2009, de volta ao Liverpool, a convite de Rafa Benitez, Dalglish acabou sendo a válvula de escape para a saída de Roy Hodgson, que acabou demitido devido ao péssimo início de temporada. De novo à frente do comando dos vermelhos, o técnico escocês conseguiu sua última conquista: o título da Copa da Liga Inglesa. O último ato de um grande ídolo na terra dos Beatles.

          D

          Fotografias(4)

          Kenny Dalglish (SCO)
          Lista
          Comentários (0)
          Tenha em atenção as Regras de Conduta antes de escrever o seu comentário. Se não as conhece poderá ser uma boa oportunidade para o fazer aqui.
          motivo:
          EAinda não foram registrados comentários…
          Links Relacionados