Siga o instagram do oGol
Feminino
Entrevista Ogol
Competição terá presença de grandes clubes

Reforço do Cruzeiro no feminino, Raíza comenta A2 com 36 clubes e presença de gigantes

2019/03/22 13:52
Texto por Carlos Ramos
E1

Com a obrigação, em lei, de os times da primeira divisão do Campeonato Brasileiro Masculino terem equipes femininas, a segunda divisão do Brasileiro Feminino começará, nesta quarta-feira, com novo formato e novos clubes, muitos deles de camisa.

De 16 clubes em 2018, a competição, conquistada na última temporada pelo Minas Icesp, terá 36 clubes. Um deles é o Cruzeiro, que formou equipe para a competição e conta com a meia Raíza, que havia disputado o A2 em 2018 pelo Botafogo da Paraíba. Em entrevista para oGol, Raíza comentou a montagem do elenco cruzeirense. 

"Temos que destacar o trabalho da Baby (Bárbara, coordenadora) e toda diretoria, que mesmo com o pouco tempo, conseguiu juntar atletas de muita qualidade, somadas a uma comissão de alto nível. Certamente, daremos trabalho na competição. Em termos de estrutura, dispensa comentários. Está sendo disponibilizado tudo que precisamos para desempenharmos da melhor maneira o nosso trabalho. A estrutura dentro de campo, fora de campo e a equipe de profissionais envolvidos é algo de se impressionar", comentou. 

Lanterna do grupo B na última A2 do Brasileiro Feminino com o Botafogo da Paraíba, Raíza confessa que agora, com uma melhor estrutura, poderá lutar pelo acesso na competição. 

"Eu tenho um carinho e um respeito imensurável pelo Botafogo, e tenho que destacar o trabalho desenvolvido com muito esforço pela minha 'mãezona' Gleide Costa (treinadora e coordenadora). Mas sabemos das dificuldades e limitações para execução do trabalho. Aqui no Cruzeiro, como eu disse, estamos recebendo todo o suporte e estamos focadas nesse acesso para a séria A1. Vai dar certo". 

Raíza sabe, por outro lado, que o aumento no número de clubes pode tornar a missão mais difícil. Clubes, inclusive, de camisa. Atlético Mineiro, Botafogo, Ceará, Chapecoense, Fluminense, Grêmio, Palmeiras, São Paulo e Vasco são os clubes da Série A do masculino que estarão em campo. 

"Vai ficar ainda mais difícil o acesso. O nível técnico da A2 irá evoluir ainda mais, times de camisa surgiram para fortalecer a competição e isso aumenta a nossa responsabilidade. Cruzeiro é gigante e temos que colocar o clube no seu devido lugar, que é a A1. Repito, vai dar certo", destacou. 

O Cruzeiro estreia diante do Taubaté, fora de casa.

Brasil
Raíza
NomeRaíza Tavares da Silva
Data de Nascimento1995-09-14(23 anos)
Nacionalidade
Brasil
Brasil
PosiçãoMeia (Meia Ofensivo) (Meia Central)

Fotografias(1)

Comentários (1)
Tenha em atenção as Regras de Conduta antes de escrever o seu comentário. Se não as conhece poderá ser uma boa oportunidade para o fazer aqui.
motivo:
Feminino
2019-03-22 14h24m por Vascaino1898
Tomara que a torcida apoie e compareça. O futebol feminino ficou legal com essa obrigação dos times grandes e vai ficar mais interessante a competição.
Links Relacionados
SIMULADOR OGOL
Faça a sua aposta:
R$
Odd acumulada:
Ganhar
Khépren Thuram é o mais novo reforço do Nice para a próxima temporada. O jovem meia chega aos Aiglons vindo do Monaco. O jogador, atualmente com 18 anos de idade, ...
ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
FA
Farofa 26-06-2019, 09:49
FA
Farofa 26-06-2019, 04:25
FA
Farofa 26-06-2019, 04:23
FA
Farofa 26-06-2019, 04:21
FA
Farofa 26-06-2019, 04:20
FA
Farofa 26-06-2019, 04:18
wallaf 25-06-2019, 22:52
Creed93 25-06-2019, 21:34
Lucas17 25-06-2019, 20:11
RenataBFR 25-06-2019, 19:13
RenataBFR 25-06-2019, 19:11
RenataBFR 25-06-2019, 19:10
CRUZPH 25-06-2019, 18:18
JohnnyCar 25-06-2019, 16:55
ScPKoHx 25-06-2019, 16:10
Vascaino1898 25-06-2019, 14:38